Português
Português, 02.05.2020 01:47, kamilyreis91

Será porventura o estilo que hoje se usa nos púlpitos? um estilo tão empeçado, um estilo tão dificultoso, um estilo tão afectado, um estilo tão encontrado a toda a arte e a toda a natureza? boa razão é também esta. o estilo há-de ser muito fácil e muito natural. por isso cristo comparou o pregar ao semear: exiit, qui seminat, seminare. compara cristo o pregar ao semear, porque o semear é uma arte que tem mais de natureza que de arte. nas outras artes tudo é arte: na música tudo se faz por compasso, na arquitectura tudo se faz por regra, na aritmética tudo se faz por conta, na geometria tudo se faz por medida. o semear não é assim. é uma arte sem arte caia onde cair. vede como semeava o nosso lavrador do evangelho. «caía o trigo nos espinhos e nascia» aliud cecidit inter spinas, et simul exortae spinae «caía o trigo nas pedras e nascia»: aliud cecidit super petram, et ortum. «caía o trigo na terra boa e nascia»: aliud cecidit in terram bonam, et natum. ia o trigo caindo e ia nascendo. assim há-de ser o pregar. hão-de cair as coisas hão-de nascer; tão naturais que vão caindo, tão próprias que venham nascendo. que diferente é o estilo violento e tirânico que hoje se usa! ver vir os tristes passos da escritura, como quem vem ao martírio; uns vêm acarretados, outros vêm arrastados, outros vêm estirados, outros vêm torcidos, outros vêm despedaçados; só atados não vêm! há tal tirania? então no meio disto, que bem levantado está aquilo! não está a coisa no levantar, está no cair: cecidit. notai uma alegoria própria da nossa língua. o trigo do semeador, ainda que caiu quatro vezes, só de três nasceu; para o sermão vir nascendo, há-de ter três modos de cair: há-de cair com queda, há-de cair com cadência há-de cair com caso. a queda é para as coisas, a cadência para as palavras, o caso para a disposição. a queda é para as coisas porque hão-de vir bem trazidas e em seu lugar; hão-de ter queda. a cadência é para as palavras, porque não hão-de ser escabrosas nem dissonantes; hão-de ter cadência. o caso é para a disposição, porque há-de ser tão natural e tão desafectada que pareça caso e não estudo: cecidit, cecidit, cecidit. já que falo contra os estilos modernos, quero alegar por mim o estilo do mais antigo pregador que houve no mundo

o texto acima retrata o:
a) estilo barroco e cultista
b) estilo barroco e conceptismo

answer
Respostas totais: 1
Ver

Other questions on the subject: Português

image
Português, 15.08.2019 01:04, kellysouzacristine
A)o professor vai de mudança para outro país. os alunos amam esse professor.
Total de respostas: 1
image
Português, 15.08.2019 00:54, ClaudioOliveraAluna
Texto meus oito anos como você explica a concordância, ou a falta de concordância, em "sem nenhum laranjais"?
Total de respostas: 1
image
Português, 15.08.2019 00:51, Creusacosta
V3com i frase: - defina e exemplifiquecomparacãometaforahiperbolepersonificccãoparadoxoantítese defina e exemplifique, em fraseshomonimos homófonos: homônimos honôgrafos homonimos perfeitos. alguém pode me ajuda a fazer esse trabalho pq e para amanhã so que eu tenho muita dificuldade em português​
Total de respostas: 2
image
Português, 15.08.2019 00:36, elen160
Três exemplos de conotação e denotação frases do poema amor é fogo que arde sem se ver​
Total de respostas: 3
Você sabe a resposta correta?
Será porventura o estilo que hoje se usa nos púlpitos? um estilo tão empeçado, um estilo tão dificu...

Questions in other subjects:

Konu
Lógica, 11.06.2020 02:30
Respostas e perguntas no site: 14868761